Quem inventou a moqueca?

Aposto que você respondeu que foram os baianos. Ou os capixabas.

Do jeito que a conhecemos hoje, você até que tem razão: os baianos a inventaram, os piauienses, depois de passarem pela Bahia, levaram a receita para o Espírito Santo, onde os capixabas tiraram o azeite de dendê e o leite de coco, cozinharam nas panelas de barro que eram feitas, e ainda são até hoje, pelas “paneleiras” do Estado, e inventaram a moqueca capixaba.
Só que nem sempre foi assim. A primeira referência a uma moqueca num documento histórico aparece numa carta do padre português Luis de Grã, datada de 1554, onde ele conta que os índios, “quando se dispunham a comer carne humana, assavam-na na labareda”, ou seja, no moquem, uma grelha feita de varas, ou apenas folhas de árvores cobertas por cinzas quentes.
Até chegar à Bahia e ao Espírito Santo, houve duas alterações importantes na elaboração da moqueca: deixou-se de usar carne humana e, em vez de assada, ela passou a ser refogada.
A receita da moqueca que você vê na foto é uma variação das tradicionais moquecas baiana e capixaba. Criada pela minha amiga Lucia Cucci, ela não leva azeite de dendê, mas leva leite de coco. A única coisa de que Lucia não abre mão é da panela de barro. Passo a palavra à Lucia e mãos à obra:
Ingredientes
Cortar em fatias finas e iguais os ingredientes abaixo:
2 pimentões verdes
2 pimentões vermelhos
2 pimentões amarelos
4 cebolas grandes
10 tomates
Picar 1 maço de cebolinha e cheiro verde (quem gostar de coentro pode colocar um pouco)
azeite
2 colheres de chá de urucum em pó
sal e pimenta
1litro de leite de coco
1  camarão grande passado na frigideira por pessoa
1 ovo por pessoa
Para o molho de camarão
1 quilo de camarão médio ( reservar a cabeça e a casca)
1 cebola picadinha
6 tomates picados
azeite e sal
 Coloque na panela de barro azeite que cubra o fundo.
Vá fazendo camadas com os pimentões , a cebola, o tomate e as ervas. Tempere com um pouco de sal , pimenta e o urucum e um pouco de azeite.
Repita as camadas ate acabar os ingredientes. Leve a panela de barro ao fogo médio ate ferver, sem mexer. Quando os ingredientes estiverem macios, pode mexê-los.
Experimente a acidez e, se ainda estiver ácido, deixe ferver mais um pouco. Junte o leite de coco e  incorpore aos ingredientes. Deixe ferver e desligue.
Faça o molho de camarão
Refogue a cebola no azeite , junte os tomates e tempere . Deixe cozinhar ate formar um molho, junte os camarões, deixe por 2 minutos e desligue.
 Junte o molho na moqueca, deixe ferver e coloque 1 ovo de cada vez . Desligue e tampe a panela.
Sirva com arroz branco feito com caldo de camarão e farofa de manteiga de garrafa.
Agora escolha um vinho branco de boa acidez, como um sauvignon blanc, para acompanhar. Embora não seja a recomendação dos entendidos, eu adoro acompanhar essa moqueca com um Chablis bem mineral.

Bom apetite!

30 de abril de 2012

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.